Todos os posts em: Memória

Seleção Paulista x Botafogo Vl. Sta Catarina

Inauguração do campo sintético do CDC Ferradura com a seleção de ex-profissionais (Amigos do Dorval) x veteranos do Botafogo de Vila Santa Catarina. O novo gramado sintético do CDC Ferradura foi inaugurado no aniversário de São Paulo, no dia 25 de janeiro de 2013. Com a presença de inúmeras pessoas e esportistas da região, a inauguração contou com a presença de inúmeros craques “Amigos do Dorval” que jogaram contra a equipe Masters do Botafogo da Vila Santa Catarina.O evento contou com a presença dos ex-jogadores de futebol, Edu Bala, Edu (ex-Santos), Dudu, Paulinho, Mauro, Amauri, Tião, Gilberto Sorriso, entre outros. A abertura oficial foi realizada pelo vereador Dalton Silvano, autor da emenda para os recursos da obra. Participou também do evento o subprefeito do Jabaquara Dirceu Mendes.Durante a cerimônia o ex-jogador do Santos e um dos responsáveis pelo CDC Ferradura, Dorval, foi homenageado pela diretoria do Ferradura. Veja outras imagens clicando aqui.

Mickey do Jardim Miriam anos 80

Uma das melhores equipes do futebol de várzea de São Paulo nos anos 80. Foto tirada no Campo do Jardim Miriam, antes da construção do 98º DP, que muitas autoridades relatam que este distrito policial não deveria ter sido construído naquele espaço por estar em frente à uma escola. Hoje o mesmo campo é reduzido, e ainda é um grande legado para o bairro.

Espaço Feira Livre – 2003

A atual Praça Comunitária Ligia Maria Salgado Nóbrega, ou como é popularmente conhecida “Espaço Feira Livre da Cidade Ademar”. Na época, foram plantadas várias Palmeiras na praça, pela então prefeita Marta Suplicy, que gerou, vários debates sobre o preço que foi pago pelas árvores. No local ainda foi instalado uma espécie de “guarita policial”, que não há registros se chegou a funcionar ou não.

As fotos dos “retratistas”

A maioria das ruas da região da Cidade Ademar nos anos 70 ainda não tinham asfalto. As casas não tinham lajes, pois eram de telhas vermelhas com os antigos “estuques”. Muitas casas não tinham muros, eram pequenas cercas de madeira e nas ruas passavam os “retratistas”, às vezes com carroças de carneiro e outras com estes pequenos cavalinhos de brinquedo para encantar as crianças e seus pais. Esta imagem é de 1974 na Avenida Santo Afonso.